Relatos poéticos e indecifráveis

Éramos três crianças saindo ilesas da confusão.
Os anjos bradaram:
- Meninas de botas e biquínis no céu de purpurina!
Sob nuvens de confetes pulavam de par em par.

Mas brincadeiras de criança, já se sabe...

Choveu botas este dia!

(Barbara-Ella NovosUivos, Claudia Gomes, Lis Maia)

Um comentário:

Anônimo disse...

Ai, meu Deus! É uma postaria, nesse blog! XD

Quem foi que balançou as pernas das nuvens? Quem foi que tomou espumante para poemar?

Com tanto motivo, ainda bem que não choveram biquinis! Cremdeuspai que as avós iriam fechar os olhos com escandalo!

Visitem Claudia Gomes, lá no poesia aos Gritos também! XD